Sustentável

Exposição homenageia mulheres que marcaram história do Brasil

Posted at 06/07/2011 | By : | Categories : Sustentável | Comentários desativados em Exposição homenageia mulheres que marcaram história do Brasil

Exposição homenageia mulheres que marcaram história do Brasil

Fonte: Mercado Ético – Alana Gandra, da Agência Brasil

A trajetória de luta das mulheres pela emancipação, o envolvimento na construção do Brasil e na discussão das grandes questões nacionais são os principais temas da exposição Brasil Feminino, que a Fundação Biblioteca Nacional inaugura nesta terça-feira (5) à noite. A mostra integra as comemorações dos 200 anos da instituição.

O curador da exposição, Marcus Venicio Ribeiro, informou à Agência Brasil que o evento mostra também “a presença da mulher nos momentos em que ela fez pequenas ou grandes revoluções no comportamento da sociedade”.

A mostra presta homenagem a mulheres que se destacaram na vida brasileira, desde os tempos coloniais até os dias atuais. São contempladas mulheres que foram personalidades na política, como a princesa Isabel e a imperatriz Teresa Cristina, mulher de dom Pedro II, até, mais recentemente, a primeira presidenta do Brasil, Dilma Rousseff. Estão retratadas representantes do mundo artístico, como as cantoras Elis Regina, Rita Lee e Maria Bethânia, além de atrizes, artistas plásticas, e a primeira miss negra brasileira, Vera Lucia Couto.

Entre as feministas, o curador lembrou Nísia Floresta Brasileira Augusta, que defendeu, no Rio Grande do Norte, investimentos em educação para as mulheres e conseguiu a primeira escola exclusiva para meninas, o Colégio Augusto, em 1838. Outra feminista pioneira foi Bertha Maria Julia Lutz, criadora da Federação Brasileira pelo Progresso Feminino, em 1922, cuja luta pelo direito das mulheres de votar e ser votada levou o governo de Getúlio Vargas a promulgar o novo Código Eleitoral em 1932, garantindo finalmente o direito de voto às mulheres brasileiras. Ribeiro destacou a anarquista e libertária Maria Lacerda de Moura, nascida em 1887, uma das poucas ativistas que se envolveram diretamente com o movimento operário e sindical de sua época.

A exposição homenageia ainda mulheres que venceram barreiras e preconceitos. Uma delas é a atriz Ruth de Souza, considerada pioneira em uma época em que não havia atores negros. Em 1945, Ruth fez parte do primeiro grupo teatral importante do Brasil, o Teatro Experimental do Negro, e acabou tornando-se a primeira estrela negra do cinema nacional.

A cantora Carmen Miranda, a cangaceira Maria Bonita, a compositora Chiquinha Gonzaga, a socióloga Zilda Arns, a umbandista Maria Escolástica da Conceição Nazareth, conhecida como Mãe Menininha do Gantois, a escritora Cecília Meireles, a jogadora de futebol Marta, a atriz Leila Diniz são celebradas em textos e fotos, entre mais de uma centena de mulheres que deixaram sua marca registrada na história do país.

A trajetória dessas mulheres em cinco séculos de história é contada com a ajuda do acervo da Biblioteca Nacional, envolvendo 150 originais e reproduções de periódicos (jornais e revistas), manuscritos, livros em geral, obras raras, partituras, documentos fonográficos, fotos e gravuras.

A exposição é franqueada ao público, que poderá assisti-la até o dia 26 de agosto, no Espaço Cultura Elizeu Visconti, no primeiro andar da Biblioteca Nacional. Durante os dois meses de duração do evento, serão realizados debates e painéis no Auditório Machado de Assis, da instituição.

Confirmaram presença na inauguração a artista plástica Ana Bella Geiger, a produtora de cinema Lucy Barreto, as atrizes Ítala Nandi, Norma Bengell e Ruth de Souza, a escritora e feminista Rose Marie Muraro, a pianista Rachel Gutiérrez, que foi a primeira mulher a participar de uma eleição majoritária, entre outras. A solenidade de abertura contará com a presença da ministra da Cultura, Ana de Hollanda, e do presidente da Biblioteca Nacional, Galeno Amorim.

(Agência Brasil)

Comente esta notícia:

www.martinsambiental.com.br
Martins Ambiental é uma empresa que coleta óleo de cozinha usado e dá destinação sustentável para o resíduo óleo de cozinha usado, óleo de fritura, óleo vencido, gordura de fritura, restos de óleo de soja de fritura usado, gordura vegetal usada, gorduras de fritura em geral, recolhemos em comércios, indústria, padarias,bancas e barracas de pastel, bancas e barracas de salgadinhos, escolas, condomínios, etc. Trabalhamos com a conscientização da população através de treinamento, palestras cursos.
Fazemos coleta seletiva de óleo de cozinha usado em condomínios, escolas, espaços em geral.
A Martins Ambiental também Assessora e presta Consultoria para empresas que desejam obter as certificações ISO 9.000, ISO 9.001, ISO 14.000 e ISO 14.001
tel. 011-3592-4795 011-8133-2255 e-mail: contato@martinsambiental.com.br
Marcos Martins
Pós-Graduado em Gestão da Sustentabilidade – FGV-SP
Sócio Fundador da Martins Ambiental

About martins

Comments are closed.