Notícias

Poluição da China foi um dos fatores que frearam o aquecimento global entre 1998 e 2008

Posted at 06/07/2011 | By : | Categories : Notícias | Comentários desativados em Poluição da China foi um dos fatores que frearam o aquecimento global entre 1998 e 2008

Poluição da China foi um dos fatores que frearam o aquecimento global entre 1998 e 2008

Fabiano Ávila, do Instituto CarbonoBrasil

Os céticos que questionam a existência do aquecimento global costumam usar os dados do período entre 1998 a 2008 para justificar que na realidade a temperatura do planeta não está aumentando. Agora, parece que a ciência conseguiu responder porque o fenômeno realmente ficou estagnado durante esses anos: seria obra de dois fatores naturais somados à poluição da China.

Segundo um grupo de pesquisadores da Universidade de Boston, a explicação está na influência do El Niño, na baixa atividade solar e na reflexão dos raios solares pela presença de partículas de enxofre na atmosfera.

“Normalmente, as pessoas levam em conta apenas as emissões de dióxido de carbono e seu efeito para aquecer o planeta. Mas a China, durante sua expansão econômica, aumentou enormemente as emissões de partículas de enxofre, que têm a capacidade de refletir o sol”, explicou Robert K. Kaufmann, principal autor do estudo publicado nesta semana no periódico Proceedings of the National Academy of Science.

Apesar dessa confirmação poder causar espanto, na realidade cientistas climáticos já tinham o conhecimento desse fenômeno. É comum a China e a Índia apresentarem dias mais frios do que o normal quando a concentração de alguns poluentes está alta. Além disso, a dispersão de partículas de elementos capazes de refletir os raios solares é uma das propostas mais recorrentes dos projetos de geoengenharia para mitigar as mudanças climáticas.

Entre os fatores naturais que contribuíram para a estabilização das temperaturas está o El Niño, que registrou em 1998 um ano muito acima do normal, possibilitando que o Oceano Pacífico absorvesse mais calor do que o previsto. Já a atividade solar, que cumpre ciclos de 11 anos, atingiu seu auge em 2000 e depois passou sete anos em queda, chegando ao ponto mínimo em 2007.

Porém, com esses fatores naturais deixando de atuar e as particulas de enxofre desaparecendo da atmosfera, a China começou a adotar regras mais rígidas para lidar com a poluição, as temperaturas já voltaram a subir após 2008, sendo que em 2010 foi registrada a maior média histórica.

Portanto, o que existiu entre 1998 e 2008 teria sido um período de excessão e a realidade já está de volta, com recordes de temperaturas sendo batidos a cada mês.

(Instituto CarbonoBrasil)

Comente esta notícia.

www.martinsambiental.com.br
Martins Ambiental é uma empresa que coleta óleo de cozinha usado e dá destinação sustentável para o resíduo óleo de cozinha usado, óleo de fritura, óleo vencido, gordura de fritura, restos de óleo de soja de fritura usado, gordura vegetal usada, gorduras de fritura em geral, recolhemos em comércios, indústria, padarias,bancas e barracas de pastel, bancas e barracas de salgadinhos, escolas, condomínios, etc. Trabalhamos com a conscientização da população através de treinamento, palestras cursos.
Fazemos coleta seletiva de óleo de cozinha usado em condomínios, escolas, espaços em geral.
A Martins Ambiental também Assessora e presta Consultoria para empresas que desejam obter as certificações ISO 9.000, ISO 9.001, ISO 14.000 e ISO 14.001
tel. 011-3592-4795 011-8133-2255 e-mail: contato@martinsambiental.com.br
Marcos Martins
Pós-Graduado em Gestão da Sustentabilidade – FGV-SP
Sócio Fundador da Martins Ambiental

About martins

Comments are closed.