Notícias

Até 2030, quase metade do mundo pode ficar sem água

Posted at 25/03/2013 | By : | Categories : Notícias | Comentários desativados em Até 2030, quase metade do mundo pode ficar sem água

22/03/2013 16:26:19

Até 2030, quase metade do mundo pode ficar sem água

 

EcoD

A ONU celebra o Dia Mundial da Água nesta sexta-feira, 22 de março, com uma reunião na sede da organização, em Nova York e eventos globais.

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, afirmou que o bem natural é a chave para um desenvolvimento sustentável. Ele alertou que até 2030 quase metade da população global terá problema de abastecimento.

Segundo o chefe da ONU, daqui a 17 anos, a demanda por água vai superar a oferta em mais de 40%. Ban destacou ainda que, com as mudanças climáticas e as necessidades das populações que crescem e prosperam, os governos terão de trabalhar juntos para proteger essa fonte natural.

Impactos ao clima

Em entrevista à Rádio ONU, o Presidente do Conselho Mundial da Água, Benedito Braga, alertou sobre o problema das mudanças climáticas.

“Mudanças climáticas impactam a água. Por que? O resultado das mudanças climáticas são secas mais longas, enchentes mais intensas e, portanto, impactos que afetam diretamente o sistema hídrico”, enumerou Braga.

Ano da Cooperação

Ban Ki-moon lembrou que 2013 é o Ano Internacional de Cooperação pela Água, e o Dia Mundial da Água é dedicado a destacar os esforços conjuntos necessários para garantir uma fatia justa para as pessoas e o planeta.

A ONU, por meio de várias de suas agências, promove a colaboração global de todos os setores. O Programa para o Desenvolvimento (Pnud) apoia um acordo político para a divisão de águas, como na base do rio Nilo.

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) e a Comissão Econômica para a Europa (Unece) também estão empenhadas em projetos que envolvem o bem natural.

Diferentes setores

Benedito Braga comentou ainda sobre a importância da água. “Nós temos que ter essa visão integrada que a água é um elo de ligação de diferentes setores da economia, da energia, da agricultura e do transporte. E ela tem uma ligação muito importante com a saúde, através do saneamento. Eu esperaria que os governantes entendessem claramente a importância de cuidar da água.”

O secretário-geral da ONU, por sua vez, ressaltou também que nenhuma mensagem sobre a água pode ser feita sem mencionar o saneamento. Segundo ele, 2,5 bilhões de pessoas no mundo não têm acesso a um banheiro. Ban observou que o custo disso é visto na queda da produtividade econômica e na perda de vidas: 4.500 crianças morrem diariamente devido a alguma complicação relacionada a água.

O chefe da ONU fez um apelo por mais cooperação entre os países dizendo que a água é um recurso natural comum. Ele pediu que todos devem usá-la de forma mais inteligente e sem desperdício.

(EcoD)

About martins

Comments are closed.